A qualidade da TV brasileira

Bom, falar mal da TV brasileira já está virando covardia. Não é novidade que nada se renova, culturalmente. É só tragédia ou apelação na guerra pela audiência.
Já que vocês sabem como eu penso, abaixo cito a resposta do ator Miguel Lunardi, que tem hoje a estréia de seu polêmico filme "Turistas" nos cinemas brasileiros, a uma pergunta da Folha sobre a novela em que ele atua:
 
FOLHA – Polêmicas à parte, "Páginas da Vida" é uma novela boa?

LUNARDI – Não sei. Não sou público assíduo de televisão. Prefiro livros, discos, vídeos, internet. As novelas têm uma função a cumprir junto ao grande público. E há quem meça o quanto esse produto é bom ou não. Mas sempre gosto de ver quando algum ator ou atriz está bem em seu personagem. Isso compensa qualquer cansaço que o formato novelístico possa apresentar.

Se um cara de dentro do meio não acredita no formato, eu acho estranho que este faça sucesso. Só realmente um povo com a cultura tão fraca precisa tanto de "pão e circo", ainda mais circo, pra viver.

Seja como for, recomendo a entrevista toda dada à Folha pelo ator, sobre o filme em que ele interpreta o vilão Zamora (nome bem brasileiro, né?), onde ele, a meu ver, brinca de bagre ensaboado mas dá um toque importante: conheça algo antes de criticá-lo.

One thought on “A qualidade da TV brasileira

Comments are closed.